São Paulo, SP – Brasil
 
  +Blog da Pick-upau
   
  17/11/2014
  Animais silvestres ganham mais proteção com GEFAU
 

Governo lançou ferramenta para gestão da fauna silvestre Governo lançou ferramenta para gestão da fauna silvestre

17/11/2014 – A proteção aos animais silvestres ganhou um importante reforço na sexta-feira, 14 de novembro. O Governo do Estado de São Paulo lançou o Sistema Integrado de Gestão da Fauna Silvestre do Estado de São Paulo – GEFAU.

A implantação da plataforma e a assinatura de três documentos regulamentando a gestão da fauna no estado de São Paulo foram realizadas pelo secretário estadual do Meio Ambiente Rubens Rizek. O evento contou ainda com as presenças do superintendente do Ibama no estado Murilo Rocha, do presidente da Fundação Zoológico Paulo Bressan e do coordenador de Biodiversidade e Recursos Naturais Daniel Glaessel.

O GEFAU dará maior agilidade e eficiência na emissão das autorizações referentes ao uso ou manejo de fauna silvestre no território paulista. A ferramenta é um banco de dados da fauna, pois trará as informações necessárias para que a Secretaria do Meio Ambiente (SMA) possa tomar decisões e acompanhar o desenvolvimento da política de conservação da biodiversidade paulista. A ferramenta está integrada aos demais sistemas estaduais de fiscalização e controle. Também subsidiará o desenvolvimento da política nacional de conservação da biodiversidade ao possibilitar a transferência de dados e informações para o sistema federal de controle e gestão de empreendimentos e atividades de uso ou manejo de fauna silvestre. Toda a operação é feita via internet.

A nova ferramenta permitirá ao usuário do GEFAU total controle de seu empreendimento ou atividade, ao possibilitar a inserção de equipe técnica, controle de plantel, cadastro de recintos e de infraestrutura, emissão de relatórios técnicos, acompanhamento de análises de solicitações e impressão de autorizações deferidas e informações individualizadas de cada espécime integrante do plantel entre outras operações. Todas essas ações organizam, simplificam e dão agilidade à rotina de trabalho, além de possibilitar maior troca de informações e integração técnica e administrativa dos empreendimentos e atividades de uso ou manejo de fauna silvestre.

O usuário e/ou empreendedor também será beneficiado, principalmente os que ainda não possuem um sistema próprio, pois poderá utilizar o GEFAU para armazenar os dados de seus empreendimentos.

“É importante lembrar que para estar regular junto à SMA e obter todas as autorizações de uso e manejo é preciso estar cadastrado e com os dados atualizados no GEFAU”, explica o secretário Rubens Rizek.
Regulamentação

Após receber todas as atribuições relativas à gestão da fauna, que antes eram de responsabilidade do IBAMA, a SMA inicia o processo de regulamentar essas questões. Para isso, publicará três resoluções referentes a autorização de manejo, cadastramento de empreendimentos e sistema de rastreabilidade de animais.

A primeira resolução – além de implantar o GEFAU – define as autorizações para manejo de fauna silvestre no Estado de São Paulo.

A segunda dispõe sobre o cadastramento dos empreendimentos de uso e manejo de fauna silvestre também no Estado de São Paulo, estabelecendo as fases de inserção de dados e de informações no GEFAU, definindo prazos para atendimento pelos empreendimentos e atividades de uso ou manejo.

E a terceira e última resolução institui o Sistema Estadual de Rastreabilidade de Animais Silvestres, que consiste na adoção de dispositivos de marcação individual para animais silvestres apreendidos, resgatados, provenientes de entrega espontânea ou de reprodução em cativeiro autorizada no Estado de São Paulo. A numeração, que será padronizada, trará ainda mais eficácia e segurança por ser estratégica, permitindo o controle efetivo dos animais silvestres.

Além das resoluções, está previsto ainda, assinatura de Acordo de Cooperação Técnica entre a Fundação Parque Zoológico e a Secretaria do Meio Ambiente (SMA). O acordo prevê o treinamento de técnicos da Coordenadoria de Biodiversidade e Recursos Naturais (CBRN/SMA) voltado à identificação e manejo de animais silvestres.

Pick-upau/Divulgação

Paulo Bressan e Rubens Rizek assinam acordo de cooperação técnica.

O GEFAU auxiliará a implementação da política estadual de conservação de fauna silvestre.
Secretário Rubens Rizek.
O GEFAU auxiliará a implementação da política estadual de conservação de fauna silvestre.
Coordenador da CBRN Daniel Glaessel.
Prof. Dr. João Batista da Cruz, diretor técnico-científico da Fundação parque Zoológico de São Paulo e Andrea Nascimento, presidente da Agência Ambiental Pick-upau.
Daniel Glaessel, coordenador de Biodiversidade e Recursos Naturais da SMA; Julio Andrade, CEO da Pick-upau; Profa. Dra. Heloisa Candia Hollnagel, pesquisadora científica da Pick-upau e Andrea Nascimento, presidente da Pick-upau.
O GEFAU auxiliará a implementação da política estadual de conservação de fauna silvestre.
O GEFAU auxiliará a implementação da política estadual de conservação de fauna silvestre.
O GEFAU auxiliará a implementação da política estadual de conservação de fauna silvestre.
O GEFAU auxiliará a implementação da política estadual de conservação de fauna silvestre.
Alexsander Zamorano Antunes, pesquisador científico do Instituto Florestal; Dr. Miguel Luiz Menezes Freitas, diretor geral do Instituto Florestal; Julio Andrade, CEO da Pick-upau e Andrea Nascimento, presidente da Pick-upau.
Dr. Paulo Magalhães Bressan, diretor-presidente da Fundação Parque Zoológico de São Paulo; Rubens Rizek, secretário estadual do Meio Ambiente de São Paulo; Julio Andrade, CEO da Pick-upau e Andrea Nascimento, presidente da Pick-upau.
Julio Andrade, CEO da Pick-upau; Prof. Dr. João Batista da Cruz, diretor técnico-científico da Fundação parque Zoológico de São Paulo; Andrea Nascimento, presidente da Pick-upau e Dr. Paulo Magalhães Bressan, diretor-presidente da Fundação Parque Zoológico de São Paulo.

Da Redação
Com informações da SMA
Fotos: SMA/Reprodução / Pick-upau/Reprodução

 
 

Postado às 16h32

 
|
 

Arquivo

 
Ano de 2014
12
 
Ano de 2013
 
Ano de 2012
 
Ano de 2011
 
Ano de 2010
 
Ano de 2009
 
Ano de 2008
 
Ano de 2007
 
Ano de 2006
1
2
3
4
5
6