São Paulo, SP – Brasil
 
  +Blog da Pick-upau
   
  28/12/2009
  ‘Popotinha’ vira atração em zoo
 

Nasceu no zoológico de Colchester, na Inglaterra um filhote de hipopótamo-pigmeu. O pequeno mamífero pesa agora 8kg, mas quando crescer poderá chegar aos 160kg, parece muito, mas, este é apenas um quarto do peso dos hipopótamos ‘normais.’ Esta espécie que está ameaça de extinção difere também no tamanho, pois atinge metade da altura dos outros hipopótamos.

Divulgação/Zoo de Colchester
 
  Postado às 20h31
 
|
  28/12/2009
  Empresa lança salgadinho ‘sabor canguru’: polêmica à vista
 

A empresa australiana Smith’s Crisps lança salgadinho sabor canguru e emu (ave semelhante ao avestruz) ECAAAA!!!. Com a imagem dos dois animais estampados na embalagem o produto gerou polêmica no país.

Os críticos alertam que a iguaria faz uma propaganda ofensiva, que incentiva a matar os animais, degrada a natureza australiana e passa uma mensagem negativa para as crianças.

Reprodução
 
  Postado às 20h31
 
|
  28/12/2009
  Leão faz vasectomia
 

O leão Nero de 8 anos que sofria maus tratos em um circo em Santa Catarina, agora vive no Zoológico de Guarulhos, onde recebe cuidados e atenção de toda a equipe.

O felino de 220 kg foi submetido a uma vasectomia e passa bem. Ele ficará separado de sua companheira de jaula, a fêmea Maya, pelos próximos 45 dias até que esteja totalmente estéril.

Divulgação/Universidade de Guarulhos
Leão Nero antes da operação

Do G1, em São Paulo
 
  Postado às 20h30
 
|
  28/12/2009
  Ouriço gorducho entra no regime
 

Reportagem publicada no jornal britânico “Telegraph” divulgou imagens do ouriço albino 'Snowball' (bola de neve em português). Este fenômeno de falta de pigmentação ocorre em um em cada 10 mil ouriços, o que o torna mais suscetível aos predadores.

“Snowball” que está três vezes mais pesado do que os ouriços normais foi levado ao St. Tiggywinkles Wildlife Hospital, na Inglaterra, onde passa por um programa para emagrecer. Sua rotina agora inclui exercícios físicos e uma dieta a base de ração diet. Ao final do tratamento ele será levado para a uma área de proteção de ouriços albinos.

Reprodução/Telegraph

Do G1
 
  Postado às 20h28
 
|
  28/12/2009
  Uma raposa no metrô
 

Funcionários da estação de Walthamstow Central, em Londres, tiveram uma surpresa inusitada, uma raposa passeava tranquilamente pelo local. O animal foi expulso e não hesitou em utilizar a escada rolante para fugir.

Talvez tamanha tranquilidade e aproximação aos humanos sejam fruto da proibição da caça das raposas, que era um “esporte” tradicional na Inglaterra.

Reprodução/Telegraph

 
  Postado às 20h27
 
|
  28/12/2009
  Trio Parada Dura: conheça os amigos urso, leão e tigre
 

Você já imaginou um urso, um leão e um tigre morando em baixo do mesmo teto? Não. Mas acredite isto realmente acontece. Os três animais convivem pacificamente no Noah’s Ark (Arca de Noé), um centro para animais resgatados no estado americano da Georgia.

Baloo, Leo e Shere Khan, respectivamente, estão juntos desde filhotes, quando foram resgatados de traficantes nos Estados Unidos há oito anos. Desde então, se tornaram melhores amigos.

Divulgação/Noah’s Ark
 
 
  Postado às 20h26
 
|
  28/12/2009
  Ele não come feito um passarinho
 

Para garantir o estoque de energia durante o inverno, estação em que a oferta de alimento diminui drasticamente, os sabiás costumam consumir o máximo que puderem de alimentos com altas calorias.

Numa reserva ecológica em Plymouth, no Reino Unido foi flagrado um exemplar bastante rechonchudo, que parece ter exagerado no regime de engorda. Todavia o excesso de peso não compromete sua capacidade de voar, e o animal pode percorrer o parque em busca de alimento, inclusive sobras de sorvete.

“Peguei minha câmera e vi o que era. O pássaro era muito manso e ficou perto de mim, comendo rapidamente as migalhas. Parecia ser uma atividade que ele sabia fazer bem”. Mingo ficou sabendo que esse sabiá é um comilão conhecido da reserva. Frequentemente ele vai a uma van que vende sorvetes para comer as sobras. “Mas seu tamanho não parece incomodá-lo e ele voou bem”, disse o fotógrafo Paul Mingo.

Reprodução
 
  Postado às 20h11
 
|
  28/12/2009
  Mergulhadora pega carona com baleia-branca sorridente
 

A mergulhadora Julia Petrik protagonizou uma bela cena que sugere o quão pacífica pode ser a convivência entre o homem e a natureza. O encontro aconteceu nas águas geladas do Mar Branco com uma baleia beluga que pode medir até 5 metros e pesar até 1,5 toneladas. A mergulhadora pegou uma carona no animal, que parece até sorrir enquanto nada.

Divulgação
 
  Postado às 20h10
 
|
  28/12/2009
  Calotas polares leste e oeste da Antártida derretem, mostra pesquisa
 

Pesquisa publicada pela revista “Nature Geoscience” alertou para o derretimento da calota polar do continente antártico. "Estas mudanças são atribuídas a uma aceleração da perda de gelo nas regiões costeiras do leste do continente antártico", destacam os autores.

O derretimento das calotas antárticas em breve pode contribuir de maneira significativa para a alta do nível dos mares. Segundo projeções dos cientistas, caso a calota derreta totalmente, o nível dos mares será elevado a mais de 70 metros.

"Nossos resultados mostram que a calota polar do oeste do continente antártico perde gelo a um ritmo acelerado desde 2005 ou 2006, enquanto o leste do continente deu sinais do mesmo tipo durante o período", afirma o estudo.

"Estas mudanças são atribuídas a uma aceleração da perda de gelo nas regiões costeiras do leste do continente antártico", destacam os autores. "A Antártida em breve pode contribuir de maneira significativa para a alta do nível dos mares", concluem.

Divulgação
A calota polar da parte oriental do continente antártico está afundando, assim como a parte ocidental, conclui estudo

Da France Presse/Folha de São Paulo

 
  Postado às 20h09
 
|
  28/12/2009
  Nova espécie de camaleão é descoberta em boca de cobra
 

Andrew Marshal, do Departamento de Meio Ambiente da Universidade de York, descobriu junto com sua equipe, uma nova espécie de camaleão em uma floresta da Tanzânia.

O camaleão foi encontrado antes de ser devorado por uma cobra, que fugiu ao ver o pesquisador, mas antes cuspiu o animal ainda vivo. Após a análise genética do animal, os cientistas confirmaram se tratar de uma nova espécie.

O novo animal recebeu o nome de Kynyongia magomberae, em homenagem à floresta de Magombera, onde foi encontrado. Os cientistas esperam que a descoberta estimule a preservação da região que é muito ameaçada.

Reprodução

Da BBC Brasil/Folha de São Paulo
 
  Postado às 20h07
 
|
  28/12/2009
  Pesquisa avalia uso de ‘creme de canguru’ para prevenir câncer de pele
 

Segundo pesquisas de cientistas das universidades de Melbourne e de Innsbruck, os cangurus produzem uma enzima que não existe no homem, que pode prevenir o câncer de pele.

Os cientistas estão simulando a exposição de pele de canguru à luz ultravioleta em laboratório, e então analisado o processo de reparação de DNA. Os resultados serão publicados na revista especializada Chemical Communications .

Imagem: reprodução do site do 'Daily Mail'
Resultados das análises laboratoriais da ação da 'enzima exclusiva de cangurus' devem ser publicados na 'Chemical Communications'

Do G1
 
  Postado às 20h05
 
|
  28/12/2009
  Sobrevivência de corais depende do corte de 25% de CO2, dizem cientistas
 

Cientistas australianos alertaram que a sobrevivência dos recifes de coral depende de uma redução de emissões de dióxido de carbono (CO2), em ao menos 25% até 2020.

A Austrália que possui A Grande Barreira de Coral, maior sistema de corais do planeta, também é um dos maiores emissores de CO2 do mundo.

O governo australiano sinalizou um corte de emissões em 5% dos níveis de 2000 até 2020. E disse que poderia avançar para 25% se um acordo climático robusto internacional fosse atingido na cúpula de Copenhague em dezembro, o que não aconteceu.

Divulgação
Ilha Hamilton, uma das que compõem o maior recife de coral do mundo, na Austrália; sistema depende de corte de 25% de CO2

Da Reuters/Folha de São Paulo

 
  Postado às 20h03
 
|
  28/12/2009
  Livro de Darwin encontrado em estante de banheiro rende R$ 295 mil
 

Foi arrematado em um leilão por 103,25 mil libras (US$ 171 mil ou R$ 295 mil), um exemplar da primeira edição de “A Origem das Espécies”, de Charles Darwin.

O livro foi adquiro pela família de seu atual dono por "alguns xelins" há mais de 50 anos. E ficou este tempo todo guardado numa estante em um banheiro. Até ser descoberto pelo genro do dono, que ao visitar uma exposição sobre Darwin viu outra cópia da edição.

Reprodução

Do G1/Reuters
 
  Postado às 20h01
 
|
  28/12/2009
  Centro de reprodução luso recebe linces ibéricos, ameaçados de extinção
 

Como parte do programa ibérico de reprodução de linces em cativeiro, três destes animais foram transferidos para o Centro Nacional de Reprodução do Lince Ibérico, em Portugal.

Os irmãos Fado, Fresno e Fresa que são de origem espanhola, exploraram sua nova casa que tem 1 hectare, e pareceram bastante adaptados ao novo lar.

O centro português deve ficar responsável por 16 dos linces que integram o programa, na tentativa de repovoar a região com esta espécie ameaçada de extinção.

Divulgação
Principal objetivo é conseguir que exemplares de lince ibérico (Lynx pardinus) sejam posteriormente reintroduzidos na natureza

Da Folha
 
  Postado às 20h00
 
|